aproveitar o intercâmbio ao máximo

Dicas de OURO para aproveitar seu intercâmbio ao máximo

  • Home
  • Irlanda
  • Dicas de OURO para aproveitar seu intercâmbio ao máximo
Como aproveitar melhor o intercâmbio

Dicas para ter um melhor aproveitamento do intercâmbio 

Quem está indo fazer intercâmbio tem como principal objetivo aprender uma outra língua, correto? Porém, esbarrar com brasileiros no exterior pode ser ao mesmo tempo uma bênção e uma maldição. Benção porque ter alguém que fale a nossa língua num país estranho pode ser de grande ajuda num momento de necessidade, e maldição porque pode retardar o aprendizado.

Visando ajudar você, caro intercambista, preparamos algumas dicas de ouro para equilibrar esses dois lados da moeda.

 

Dica n°1: Faça amizades internacionais

Conheça pessoas

Conheça pessoas

Você está num país estrangeiro, em uma escola com pessoas de várias nacionalidades com um objetivo comum: aprender inglês. Sem sombra de dúvidas a melhor forma de aprender é praticando e quando o amiguinho não fala português, a única alternativa é colocar o seu inglês (por mais tímido e imperfeito que seja) em prática.

No início vai ser desconfortável, você vai deixar de dizer muitas coisas que gostaria por falta de vocabulário, seus músculos faciais vão doer em lugares que nem imaginava. Pois é, isso acontece porque você vai passar a articular de uma maneira diferente do português. Quem diria, né?

Mas insista! Com o tempo as coisas melhoram, você aprende mais e mais a cada dia e quando se der conta já está se comunicando com tranquilidade.

 

Dica n°2: Se tiver amigos brasileiros, que sejam aqueles com nível mais alto de inglês.

As escolas dividem os alunos por níveis, é possível que você seja um aluno iniciante, que está querendo se encaixar e precisa ainda de uma ajudinha brazuca. Tudo bem, supernormal. Procure os alunos que estão em um nível mais à frente de você na escola de idiomas. Eles, por já dominarem mais o idioma, já interagem melhor na rua e com os outros estudantes. Então podem ser de grande ajuda na tradução simultânea, quando você precisar de uma dica sobre como pedir algo ou como dizer aquela palavra que completa o seu raciocínio, e ao mesmo tempo um estímulo para continuar tentando.

 

Dica n°3: Leia.

Leia muitos livros

Leia muitos livros

Essa parte pode ser meio chata, principalmente para quem não gosta de ler. Mas toda escola disponibiliza livros que são específicos para o seu nível de inglês. Eles têm vocabulário e nos níveis básicos, vêm ilustrados, o que ajuda muito a compreender a história.

Pode ler os Três Porquinhos, Chapeuzinho Vermelho, qualquer coisa vale. O importante é ler e compreender o que foi lido. Isso vai te ajudar MUITO a conseguir vocabulário.

 

Dica n°4: Não traduza, substitua.

Essa é uma dica de ouro! O que mais atrapalha a gente quando está aprendendo um outro idioma é pensar em português e ter de falar em inglês. Esquece isso!

Você está na Irlanda, meu bem. Vamos falar inglês. Pensar em inglês. Sonhar em inglês. Trans... tô zuando! Mas sério, pense o tempo todo em inglês. E se não souber como falar pão, diz que é aquela coisa branca e macia que a gente come no café da manhã.

Você vai dar uma volta maior, vai falar muito thing (coisa), mas vai conseguir se fazer compreender. São dicas simples, mas fazendo isso, você vai seguramente conseguir potencializar seu aprendizado.

Tags:
Leave a Comment